sexta-feira, 14 de maio de 2010

Come chocolate, rapariga, come chocolate...


Pra não variar, hoje venho até vós, com alguns assuntos (sim...alguns...) que não vão melhorar em nada o estado calamitoso do país, nem tampouco vão adiantar coisa alguma ao que quer que seja. Melhor, hoje vou atirar-me de cabeça às futilidades desta vida, quer dizer, às minhas futilidades.
Há alturas em que parece que atravessamos desertos. Não me venham com coisas, ah e tal a mim nunca me acontece, ah a minha vida é uma montanha russa, ah eu é só acção...porque eu já sou crescidinha e não acredito, ok?
Pronto. Posto isto, este deserto é assim uma letargia; umas vezes boa outras nem por isso; de não ter vontade de fazer nada. Assim uma espécie de dormência que comanda os sentidos e me atira (literalmente) pra cima do sofá. Dou por mim a fazer planos de férias e escapadelas, e passeios, e a acordar sentada a esta secretária com uma pilha de papeis cada vez maior para resolver, despachar, lançar wtvrrr...
Em casa, o comando do "Meu" é o meo mais constante e fiel aliado, nestas horas mastigadas. E é assim que a maior parte da acção dos meus dias decorre no ecran. É a despedida, devo dizer que muito sentida da série de televisão mais brutal de sempre, Lost, que depois de seis anos de absoluto vicio, me vai deixar, pleonasmos à parte...a modos que....perdida...menos mal que o Glee regressou em grande, e conto os dias até ao próximo Domingo. Não, não é só uma série de e para adolescentes, e ainda que fosse, não tenho direito a uma fatia de nostalgia? Ahh pensava.
E enquanto aguardo pacientemente que a estação televisiva do estado faça serviço público e mande cá pra fora a 3ª temporada de Mad Man (warning: obrigatório ver - o charme dos homens, a elegância das mulheres, como se vivia a vida quando ainda se vivia a vida...), vou assistindo à maior novela da história recente da televisão, sempre claro está com a caixinha dos kleenex ali mesmo ao lado, sim, estou a falar de Grey's Anatomy... e escusam de dizer que não assistem porque é foleiro e essas coisas, porque eu não acredito!
Depois há sempre aqueles hiatos, em que sou banida da televisão, porque valores mais altos se levantam, coisas do género, Hanna Montana e afins, Morangos com Açúcar, Luas Vermelhas (esta de vez em quando também vejo, tenho lá o meu sobrinho, ahhh poizé!). Nesses momentos, agarro-me ao meu livrinho, e perco-me um bocadinho por lá, agora ando por Itália, com a Misteriosa Chama da Rainha Loana, do Umberto Eco.
Ah, já me esquecia, no fim de semana, finalmente consegui "arranjar bilhete" e vi a Alice in Wonderland do Tim Burton...pois meus amigos...muita parra e pouca uva. Os acérrimos fans de Burton podem agora tentar lançar sobre mim um feitiço maligno qualquer que não adianta. Sigo o trabalho deste senhor há muitos anos (uiii muitos mesmo) e não vou agora desatar práqui com comentários orgásmicos sobre esta Alice, porque pra isso era preciso um comprimidinho azul.
Mas só por ser quem é, está perdoado, até porque mesmo os melhores não podem sempre superar-se, lá está, há momentos... pois que venha o próximo Mr. Burton, que este está visto, está morto.
Só mais uma coisa...comprei uma camisola gira. Pois...
Entretanto a Primavera, deu um ar da sua graça, o sol aqueceu a alma e despertou apetites. Mau! Estão a pensar em quê? Brownies, brownies com gelado de baunilha e topping de ...mais chocolate. Digam lá que não era só o que faltava?
Então é assim, não se perde tempo nenhum, quase se fazem no intervalo de um filme (se for um intervalo da tvi, dá inclusive pra comer os brownies todos), e melhoram a disposição de toda a gente, até a minha!
Tomem nota, faxavôr:
- 200g de chocolate em barra
- 250g manteiga sem sal
- 65g de farinha
- 4 ovos
- 1 colher de chá de fermento em pó
- 1 colher de sopa de cacau em pó
- 1 mão cheia de nozes (se tiverem a mão pequena, então duas) picadas grosseiramente

Derreter o chocolate no micro-ondas, a meio do processo juntar a manteiga, 1 minuto na potência máxima deve chegar, até porque não convém ficar a ferver. Juntar os ovos, um de cada vez e bater com uma colher de pau, assim mesmo à antiga. Mas atenção, nada de estafadeiras, que os bolinhos não precisam disso. De seguida juntar os ingredientes secos, com cuidadinho, envolvendo, e por fim, as nozes. Entretanto é bom ter um tabuleiro (aí com uns 30cm de diâmetro, mais coisa menos coisa)forrado com papel vegetal. Levar ao forno até ficar firme. Os tempos são um bocado sacanas e dependem muito do forno, por isso meus amigos, vão experimentando. Aqui o teste do palito não tem grande utilidade, porque o bolo deve ficar húmido. Digamos que quando a superfície estiver firme (apertar com o dedinho...sim, vai queimar um tudo nada...)está bom. Cuidado para não deixar cozer demais.
Desenformar, cortar aos "códradinhos" e comer sem moderação, porque tristezas, já dizia a minha avó, não pagam dividas, e ovelha que berra dentada que perde, e é o que se leva desta vida e por aí adiante. Ahh é verdade, não esquecer do gelado a acompanhar, vejam lá!
Enjoy tá bem? Tá bem.

11 comentários:

johnny disse...

Agora ia.

Manda aí um, ó abelha sff

Brown-eyed Girl disse...

Não há mais metafísica do que comer chocolates ;)

meldevespas disse...

Brown-eyed Girl O tipo sabia-a toda, ai não não há! Glad to see you here amoriiii Bêjos
Jóni Olhá que eu mando!!! ....não, não mando, pronto está decidido, no hard feelings mas não mando. :DD

Poetic GIRL disse...

Ai que bom aspecto! Eu gosto, gosto!!!!!!! Eu já te disse que sou uma gulosa? e que tenho que comer chocolate numa base digamos semanal? ah pois é! thanks pela receita, a ver se alguém cá em casa alinha a fazê-la... cof cof sou um cadinho desajeitada para essas lides confesso! bjs

Mulher a 1000/h disse...

Olha... essas banalidades letárgicas também temos cá por casa! Incluindo um maior ou menor uso e abuso da Tv e o choro, que se impõe a ver a Anatomia da Grey! ;P De resto, de resto, tenho-te a dizer, que se continuas a colocar aqui imagens destas e a sugerir estes "pecados" de boca eu não venho cá mais... tenho o colestrol a 300, estou de dieta 3 meses e o teu post já me deixou taquicárdica! Não é justo Senhora Mel... não é justo! :D

Raven disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Gingerbread Girl disse...

Parece dar para fazer nos intervalos da TVI... lá isso parece.
Agora não tenho nozes, e sou pobrezinha, por isso também não vou comprar.
A ver o que diz a nogueira dos pais e dos sogros este ano.
Nozes é daquelas coisas que... OMG, OMG. =')

E eu não vejo anatomia de Grey, acho um tédio. ««
Mas vejo Glee, and ma frend, u were RIGHT!! :D

bjs açucarados*

Gingerbread Girl disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
meldevespas disse...

Bela Ai rapariga...e tenho que comer chocolate numa base digamos....diária!!!! Mãos À obra que isto não custa nada de nada. Beijocas
Silvia A vida não é justa Silvinha....e os brownieszinhos são muita bons. pena isso do colesterol. Quando controlares o sacaninha, atira-te aos brownies ;D Beijos
Ginger Raven OMFG ahahahah e eu a pensar quem seria o corvo/a (o corvo sabe por acaso q esse é tb o nome de uma personagem de uma daquelas séries juvenis do canal Disney?....pois...). E quanto ao Glee, hein? Afinal quem é que tinha razão? Fenomenal certo?
E as nozes...escusas...eu sou pessoa pra n me esquecer de trato nenhum ouvisteS?? Vá bêjos.

Gingerbread Girl disse...

-.-'

Su (Glamour In Stiletttos) disse...

Ai que isso pareceme tão bem... :P

Enviar um comentário

 

Blog Template by BloggerCandy.com